[sam_zone id=1]

Jennifer Garner – A atriz que “lutou” seu caminho da TV para o cinema

2246 0

Jennifer Garner ganhou destaque na televisão como uma agente da CIA e fez a transição para o cinema em papéis cada vez mais significativos

Jennifer Garner pode não ser a estrela mais conhecida de Hollywood, mas certamente é uma das mais simpáticas e carismáticas. E isso não é difícil de confirmar, já que o seu perfil no Instagram é uma prova viva disso, com vídeos e fotos que mostram o quão “gente como a gente” a atriz parece.

Jennifer Garner

Embora também tenha o seu nome frequentemente associado ao ex-marido Ben Affleck e ao divórcio polêmico do casal; Jennifer Garner ainda é mais conhecida pela participação em filmes que se tornaram grandes clássicos do cinema recente, como De Repente 30 e Elektra

Jennifer Garner

Carreira de Jennifer Garner

Nascida em 7 de abril de 1972 em Houston, no estado do Texas, Jennifer Anne Garner foi criada na cidade norte-americana de Charleston.

Primeiramente, ela ingressou como aluna de Engenharia Química na Denison University, mas trocou o curso no meio do caminho para perseguir a paixão pelas artes; e se formou em Belas artes com ênfase em teatro, em 1994.

Jennifer Garner

Ela já atuava desde a época da faculdade, participando de peças que eram montadas durante o período de verão. Mas foi com a conclusão da graduação que ela, de fato, deu o pontapé inicial para a construção de sua carreira. 

Em 1995 Garner se mudou para a cidade de Nova Iorque e conquistou seus primeiros papéis na televisão, fazendo pequenas participações em séries como Law & Order. Em pouco tempo veio a primeira oportunidade como protagonista, no filme para a tv Rose Hill. 

Jennifer Garner em cena de Cara, Cadê Meu Carro?

A partir disso, pontas em longas começaram a aparecer, e ela pôde ser vista em filmes como Mr. Magoo e Desconstruindo Harry, do diretor Woody Allen – ambos lançados em 1997.

Garner passou a abocanhar personagens com um destaque um pouco maior em séries que faziam grande sucesso na época, e atuou em Felicity e Time of Your Life em 1997 e 1998, respectivamente. 

Na mesma época, papéis maiores no cinema também passaram a fazer parte do seu currículo, e Jennifer integrou o elenco dos filmes Cara, Cadê Meu Carro? e Pearl Harbor; lançados em 2000 e 2001.

Jennifer Garner em Alias

Alias

Com cada vez mais pontas na tv e no cinema, a atriz foi escalada como protagonista da série que a lançaria de vez ao estrelato, e a série Alias estreou em 30 de setembro de 2001.

Garner tirou proveito do treinamento que havia feito em taekwondo para conquistar o papel da agente da CIA Sydney Bristow, que investigava crimes em arriscadas e exigentes cenas de luta e ação. 

Jennifer Garner em Alias

A visibilidade que Jennifer ganhou com Alias rendeu um SAG Award de melhor atriz e um Globo de Ouro de melhor atriz dramática; sem contar uma série de outras indicações, incluindo o Emmy Award de melhor atriz.

Jennifer Garner e o elenco de Alias

Além disso, a série ajudou para que outros grandes nomes de Hollywood a notassem, e ela ganhou um papel ao lado de Leonardo DiCaprio no filme Prenda-me Se For Capaz

Suas habilidades para cenas de ação também lhe renderam um importante papel no filme Demolidor, de 2003, interpretando Elektra Natchios. Posteriormente, ela encarnaria a personagem mais uma vez, em 2005; mas dessa vez como protagonista, no filme Elektra

Jennifer Garner em Elektra

De Repente 30

Ao longo do tempo em que aparecia como Sydney Bristow na televisão, Garner seguia conquistando papéis no cinema, e em 2004 veio o seu primeiro papel como protagonista nas telonas. 

No inesquecível De Repente 30, Jennifer viveu Jenna Rink; a menina de 13 anos que, por um desejo, se transforma da noite para o dia em uma mulher de 30 anos. Sucesso total de público e crítica, o filme arrecadou mais de 96 milhões de dólares e foi um dos mais alugados e comprados em DVD daquele ano.

Filmes com Jennifer Garner

A filmografia de Jennifer Garner é bastante extensa e inclui uma série de dobradinhas com atores específicos.

Assim como com o ex-marido Ben Affleck, Jennifer também atuou em mais de uma ocasião com o ator Matthew McConaughey; nos filmes Minhas Adoráveis Ex-Namoradas e no longa que rendeu a Matthew o Oscar de melhor ator: Clube de Compras Dallas.

Jennifer Garner com Matthew McConaughey e Jared Leto

Entre os principais destaques da carreira de Garner no cinema – que a ajudaram a receber, em 2018, a sua própria estrela na Calçada da Fama – estão, por exemplo:

  • Desconstruindo Harry (1997)
  • Mr. Magoo (1997)
  • Pânico em Nova Iorque (1999)
  • Cara, Cadê Meu Carro? (2000)
  • Pearl Harbor (2001)
  • Prenda-me se For Capaz (2002)
  • Demolidor – O Homem Sem Medo (2003)

Jennifer Garner em cena de Demolidor

  • De Repente 30 (2004)
  • Elektra (2005)
  • Juno (2007)
  • Minhas Adoráveis Ex-Namoradas (2009)
  • Idas e Vindas do Amor (2010)
  • Butter (2011)
  • A Estranha Vida de Timothy Green (2012)
  • Clube de Compras Dallas (2013)
  • Milagres do Paraíso (2016)
  • Com amor, Simon (2018)
  • A Justiceira (2018)

Jennifer Garner ao receber sua estrela na Calçada da Fama

Vida pessoal de Jennifer Garner

Muito já se falou na imprensa sobre o relacionamento de Jennifer com Affleck, mas o que muitos não sabem é que ela já havia sido casada anteriormente. E o primeiro casamento de Garner aconteceu, também, por causa da sua carreira como atriz.

Foi no set de gravações da série Felicity – uma das primeiras pontas mais significantes de Jen na tv – que ela conheceu Scott Foley, também conhecido pelas séries Scandal e Whiskey Cavalier.

Jennifer Garner e Scott Foley

Ao interpretar a namorada traída de Noel Crane (personagem de Foley na série), um romance real começou a se construir, e Jennifer Garner e Scott Foley se casaram em 2000.

O casal se separou em 2003 e, seguindo a onda de se apaixonar nos sets de gravações, ela rapidamente engatou um novo romance com o ator Michael Vartan; seu par romântico na série Alias. O namoro durou por cerca de um ano e terminou em meados de 2004. 

Jennifer Garner e Michael Vartan

Jennifer Garner e Ben Affleck

Logo depois do término com Michael Vartan, Jennifer reencontrou seu parceiro de cena de Pearl Harbor e Demolidor.

Garner e Affleck, que também havia se separado da cantora e atriz Jennifer Lopez recentemente, se tornaram mais próximos e um romance se consolidou. 

Jennifer Garner e Ben Affleck

O par se casou em junho de 2005, e da união vieram os três filhos de Jennifer Garner: Violet Affleck (14); Seraphina Rose Elizabeth Affleck (11); e Samuel Garner Affleck (8). 

A separação do casal aconteceu em meados de 2015, mas somente em 2018 o divórcio se tornou final. Enquanto muitas notas da imprensa afirmaram haver uma suposta traição por parte de Ben com babá como motivo da separação; o mais provável é que os frequentes problemas do ator com bebidas e drogas tenham sido o real motivo.

Jennifer Garner com Ben Affleck e os filhos

De acordo com o que foi noticiado, o período de alguns anos entre a separação e o divórcio teria sido, inclusive, um período de tentativa de reconciliação. 

No entanto, a tentativa não teria dado certo e Garner teria esperado um período de maior estabilidade emocional do ex para seguir em frente com os papéis. 

Ainda assim, durante todo o tempo antes do divórcio (e até hoje) os dois foram vistos juntos – um com o outro e ambos com os filhos – em diversas ocasiões. 

Jennifer Garner leva Affleck para a rehab

E mesmo em episódios mais recentes de recaída nas drogas, Garner chegou a ser vista levando Affleck para clínicas de reabilitação e mostrando todo o seu suporte ao ex-marido; com quem divide amigavelmente a guarda dos filhos. 

Recentemente, Affleck (que hoje namora a atriz Ana de Armas) falou sobre o relacionamento com a atriz em um entrevista e; de acordo com ele, o divórcio de Garner (atualmente namorando com o empresário John Miller) foi o maior arrependimento de sua vida.

Garner ativista

Além dos trabalhos na televisão e no cinema, Jennifer também faz a sua parte para construir um mundo melhor. Desde 2009 ela é embaixadora da organização Save The Children, que promove a alfabetização, educação e nutrição de crianças.

Jennifer Garner é embaixadora da Save The Children

Junto com isso, a atriz também já demonstrou suporte em outras frentes que afetam diretamente a sua vida, e participou de campanhas anti-paparazzi; pedindo por políticas mais específicas para proteger a privacidade e a imagem de seus filhos. 

Jennifer Garner

Jennifer também está envolvida no que se refere à alimentação saudável, e co-fundou em 2018 – junto com John Foraker – a Once Upon a Farm; empresa que fabrica comidas para bebês com ingredientes frescos e naturais.

A mais bonita do mundo

Quem acompanha a vida e a carreira da atriz já conhece a beleza e a boa forma invejável da atriz. Por conta disso, em 2019, a revista People elegeu a atriz a mulher mais bonita do mundo.

Jennifer Garner eleita a mulher mais bonita do mundo pela People

Embora a musa tenha afirmado nunca ter se sentido como uma das meninas bonitas durante a infância, a revista justificou (como se fosse preciso) ter escolhido Jennifer Garner como a mais bonita aos 47 anos por ser um exemplo de equilíbrio da carreira com a vida pessoal e a criação dos três filhos. 

Imagens: reprodução

In this article

Join the Conversation